Loading…

R – Operações matemáticas e variáveis.

Operações Matemáticas

O R é uma linguagem de programação estatística  ,  portanto nos fornece varias maneiras de efetuarmos operações matemáticas .

Os operadores do R são :

Operação Operador
Adição +
Subtração
Divisão /
Multiplicação *
Exponenciação ^
Módulo %%
Divisão por inteiro %/%

Abra o console do R e vamos praticar !

Digite no console do R os seguintes comandos e repare no resultado esperado :

100 + 100
Resultado : 200

100 – 100
Resultado : 0

100 * 100
Resultado : 10000

100/100
Resultado : 1

3 %% 2
Resultado : 1

3.5 %/% 2
Resultado : 1

Variáveis

Uma variável serve para salvarmos um tipo de dado especifico na memória do computador para podermos realizarmos operações com ele futuramente. O R possui os seguintes tipos de dados :

Tipo de dado
Exemplo
Logical TRUE , FALSE
Numeric 3.14 , 2 , 1000
Complex 3 + 2i
Integer 2L , 34L
Character ‘m’ , “pet sistemas”,”FALSE” , “100.0”
Raw Salva um valor em bytes

 

Como o R não é uma linguagem fortemente tipada , não precisamos declarar o tipo da variável no momento de sua criação .

Para criar uma variável no R precisamos utilizar o operador de atribuição . Para isso o R nos disponibiliza dois :

O operador = , e o operador <- .

Exemplo(Em seu console do R digite) :

 

Teste em seu console e repare que ao imprimir a variável , o resultado obtido é o mesmo. Porém há uma diferença entre eles. Em uma chamada de uma função quando utilizamos o operador = em um de seus argumentos , a variável que esta sendo criada não será salva na memória , porem ao utilizarmos <- a variável além de ser passada como argumento também é salva.

Exemplo :

 

Após saber a diferença entre os operadores vamos criar algumas variáveis :

Restrições nos nomes das variáveis

Um nome de variável sintaticamente valido é formado por letras , números e pontos ou underlines . Deve começar com uma letra ou um ponto não seguido por um número.  Nomes como “.2017petsistemas” não são validos.

O R também possui algumas palavras reservadas que não devem ser utilizadas como variáveis .

São elas :

  • if
  • else
  • repeat
  • while
  • function
  • for
  • in
  • next
  • break
  • TRUE
  • FALSE
  • NULL
  • Inf
  • NaN
  • NA
  • NA_integer_
  • NA_complex_
  • NA_character_

Tipos de objetos

O R conta com alguns tipos de objetos para nos ajudar nos mais variados tipos de operações, alguns deles:

Objeto Explicação
Vector É utilizado para criar um conjunto de elementos.
Estes precisam ser de um único tipo de variável(character,numeric…).
Matrice É parecido com o vector , porém possui duas dimensões .
Array É parecido com o Matrice porém pode possuir mais de duas dimensões.
Data Frame Diferentemente do Matrice pode possuir colunas com diferentes tipos de
variáveis(character,numeric,…).
List É uma coleção de elementos ordenados . Permite armazenar elementos de
vários tipos(character,numeric,…).
Factor É possível falar ao R que uma variável é nominal transformando-a em um
factor . Um factor armazena valores nominais como um vetor de inteiros.

Exemplos

Vector

Existem algumas maneiras de se criar um vetor utilizando o R :

Matrice

Com uma matriz conseguimos armazenar elementos de um único tipo em duas dimensões .

 

List

Com uma lista conseguimos armazenar um conjunto de elementos de diferentes tipos de variáveis.

Factor

Na estatística existem dois tipos de variáveis : quantitativas e qualitativas . As variáveis quantitativas  são aquelas representadas numericamente.Já as variáveis qualitativas são representadas por padrões , exemplo : “feminino” ou “masculino”.

Data Frames

Semelhante as matrizes , os data frames também são bi-dimensionais.A diferença é que enquanto as matrizes somente podem armazenar um tipo especifico de dados,  os data frames podem salvar diferentes tipos. Podemos pensar em um data frame como uma planilha do Excel, por conta do formato similar .

O R nos fornece vários data frames para podermos praticar , digite data() no console e os consulte.Há vários data frames interessantes , um deles se chama titanic , e nos traz os dados dos tripulantes do navio que naufragou  para podermos analisa-los.  Digite Titanic no console e veja o resultado.

 

Array

Diferentemente dos outros tipos o array é n-dimensional , ou seja : você pode escolher a dimensão do array. Útil em situações especificas.